Acontece lá em casa – episódio 2: Maternidade e trabalho

Conheça a história de Monique Cavalcanti, mãe solo que decidiu empreender para acompanhar o crescimento da filha Lia mais de perto

[vc_row css_animation=”” row_type=”row” use_row_as_full_screen_section=”no” type=”in_container” angled_section=”no” text_align=”left” background_image_as_pattern=”without_pattern” full_screen_row_position=”middle” scene_position=”center” text_color=”dark” overlay_strength=”0.3″ shape_divider_position=”bottom”][vc_column column_padding=”no-extra-padding” column_padding_position=”all” background_color_opacity=”1″ background_hover_color_opacity=”1″ column_shadow=”none” column_border_radius=”none” tablet_text_alignment=”default” phone_text_alignment=”default” column_border_width=”none” column_border_style=”solid”][vc_column_text]A artista visual Monique Cavalcanti, que assina suas obras como Gugie, tinha 23 anos quando engravidou de Lia, hoje com um ano e meio. A vida profissional estava se desenvolvendo a pleno vapor e bateu aquele medo de tudo ir por água abaixo. Mas Monique não se abateu. Continuou pintando e grafitando a gravidez toda. E, com Lia ainda nos primeiros meses de vida, já voltou à ativa. Neste episódio da série Acontece lá em casa, ela conta como, no fim da licença-maternidade, decidiu empreender para poder acompanhar o crescimento da filha mais de perto. Foi como, entre fraldas e brinquedosentre tintas e planilhas de Excelconseguiu unir maternidade e trabalho. [/vc_column_text][vc_empty_space][vc_video link=”https://www.youtube.com/watch?v=WOpYqkqZpoo”][/vc_column][/vc_row]